Psicologia



Psicologia: profissão, carreira e mercado de trabalho.
O objetivo do psicólogo é compreender e analisar os indivíduos a fim de solucionar problemas relacionados ao comportamento. Saiba mais sobre a carreira na área de Psicologia, como está o mercado de trabalho para este profissional e onde estudar esta graduação!

A carreira em Psicologia
O psicólogo atua no diagnóstico, prevenção e tratamento de doenças mentais, de personalidade ou distúrbios emocionais.
Este profissional estuda o comportamento humano por meio da análise de suas ideias, valores e emoções. Ele procura identificar padrões de comportamento através da observação e interação direta com os pacientes.
O profissional formado em Psicologia pode atuar em diversas áreas. Confira algumas delas:
  • Psicologia Clínica – Atende pacientes individualmente ou em grupo, analisa e trata problemas emocionais.
  • Psicologia Esportiva – Acompanha atletas, preparando-os psicologicamente para competições.
  • Psicologia Hospitalar – Atende pacientes que estão internados em hospitais.
  • Psicologia Educacional – Auxilia alunos, pais e professores quanto a problemas de aprendizagem.
  • Psicomotricidade – Auxilia pacientes na recuperação psicomotora.
  • Psicologia Jurídica – Aplica conhecimentos da psicologia em assuntos relacionados ao Direito.
  • Psicologia Organizacional e do Trabalho – Participa de processos de seleção de funcionários. Orienta sobre carreiras e promove relações saudáveis no ambiente de trabalho.
  • Psicologia da Saúde – Busca a melhoria da saúde física e mental dos pacientes.
  • Orientação Profissional – Auxilia estudantes e profissionais a identificarem seu perfil e tomarem decisões de carreira.
Para exercer a profissão, o psicólogo deve possuir diploma de curso superior reconhecido pelo MEC e registro no Conselho Regional de Psicologia. 
Perfil do profissional formado em Psicologia
Quem deseja seguir carreira na área de Psicologia deve ter gosto pela leitura e ter boa capacidade de interpretação e análise de textos.
Querer ajudar as pessoas é outra característica importante deste profissional.
Mercado de trabalho para quem faz Psicologia
O profissional formado em Psicologia pode atuar em consultórios, hospitais e clínicas. Além das instituições de saúde, um psicólogo pode trabalhar em escolas, organizações públicas e privadas.
Uma das áreas de atuação que vem crescendo bastante para este profissional é a Neurociência. O desenvolvimento desta ciência nos últimos anos aumentou da procura por psicólogos para o atendimento de pacientes com distúrbios neurológicos, como demências, transtornos de aprendizagem e dislexia.
Estima-se que haja no Brasil em torno de 200 mil psicólogos formados.

                              Exigências para atuar na profissão
- Ter graduação em Psicologia.
- Estar registrado no Conselho Regional de Psicologia
.
Regulamentação  
Lei nº 4.119, de 27 de agosto de 1962.
Ganho inicial (média mensal)  
- De R$ 1,2 mil a R$ 1,7 mil.
Ganho escalão intermediário (média mensal)    
- De R$ 2,2 mil a R$ 5 mil.
Ganho no auge (média mensal) 
- De R$ 5 mil a R$ 20 mil.

Atividades do início de carreira    
- Em equipes multiprofissionais, participação no planejamento e na execução de políticas de cidadania, direitos humanos e prevenção da violência.
- Realização de pesquisas, psicodiagnóstico, acompanhamento psicológico e intervenção psicoterápica individual ou em grupo.
- Promoção de estudos sobre características psicossociais de grupos.
- Atividades de educação em saúde.
Evolução da profissão 
Varia de acordo com a área a que se dedica, como psicologia do trabalho, clínica, escolar, institucional, comunitária, hospitalar, esportiva, jurídica, docência, pesquisa, entre outras. Em empresas, pode chegar a cargos de gerência e direção.
Auge da carreira    
Entre cinco e dez anos.
Sobre o curso superior em Psicologia
O curso de Psicologia possui as habilitações em licenciatura e bacharelado. A graduação tem duração média de 5 anos e é oferecida nas modalidades presencial e a distância.
Durante a faculdade o aluno aprende sobre as diferentes Teorias Psicológicas, Psicologia da Personalidade e do Desenvolvimento, Psicologia Social e das Organizações, entre outras disciplinas.
Ao final da graduação o estudante deve realizar um estágio supervisionado na área ou elaborar um Trabalho de Conclusão de Curso (TCC).  Algumas instituições exigem o cumprimento dessas duas atividades.
Onde estudar Psicologia
Confira algumas instituições autorizadas pelo MEC a oferecer o curso de Psicologia:
Universidades Privadas:
  • Universidade Cruzeiro do Sul (UNICSUL)
  • Universidade Estácio de Sá (UNESA)
  • Centro Educacional Anhanguera (ANHANGUERA)
  • Universidade Norte do Paraná (UNOPAR)
  • Faculdade Nordeste (FANOR | DeVry) – em Fortaleza
  • Faculdade Boa Viagem (FBV | DeVry) – em Recife
  • Faculdade Ruy Barbosa (Ruy Barbosa | DeVry) – em Salvador
Universidades Públicas:
  • Universidade de Brasília (UNB)
  • Universidade Estadual do Ceará (UECE)
  • Universidade Estadual de Londrina (UEL)
  • Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN)
  • Universidade Federal do Triângulo Mineiro (UFTM)  
Origem da palavra 
A palavra psicologia é de origem grega ("psique" = alma e "logos" = estudo, razão)
Você sabia?
No dia 27 de agosto comemora-se o dia do psicólogo.
Dicas     
- Ler bastante e investir na busca de conhecimento atualizado, cuidar do desenvolvimento pessoal, fazer um bom curso de pós-graduação, manter contato com pessoas que atuam na área de interesse, fazendo parte de uma associação, por exemplo.
- Desenvolver novas competências.
"A psicologia é uma profissão que exige atualização constante e formação prática. É uma área do conhecimento empolgante, mas que exige dedicação, reflexão, além de disponibilidade para o contato interpessoal".
Uma excelente área, mesmo para quem não pretende seguir a profissão, é maravilhoso conhecer comportamentos, sentimentos e emoções do ser humano, podendo melhorar nossa perspectiva de vida, dando lhe uma nova direção com novos horizontes.
Fonte: guiadacarreira.com.br, Catho Online e Datafolha
Gaspar Moura dos Santos